Registar agora

Receba €1000 em bônus

1° Depósito: Bônus até 100% • 2° / 3° Depósito: Bônus até €400 • Apenas para novos clientes •  Depósito Mín. €10  •  Requisito de Apostas: 70x 

Termos da Promoção

Registrar-se

Métodos naturais para quem fica doente nas férias

A chegada das férias ou de um feriado prolongado costuma ser um momento bastante esperado por todos, mas e quando os planos de aproveitar esse tempo livre para se divertir com blackjack online ou para sair com os amigos são ameaçados por um resfriado, gripe ou dor de garganta? O que é possível fazer para recuperar a saúde sem ter que ir ao médico?

Pensando nisso, a seguir estão cinco métodos naturais para adotar de forma simples, que podem ser bastante eficazes para o tratamento de gripes, resfriados e leves inflamações.

1. Mel e própolis

O mel não só consegue aliviar as dores na garganta, como também funciona como um supressor da tosse, pois ele é capaz de tratar as membranas mucosas que estão irritadas, as quais são as principais causadoras da tosse. Além de ingeri-lo em sua versão tradicional, é interessante ter em casa algum xarope a base de mel, que também tenha em sua composição ingredientes como vitamina C e zinco, pois essa fórmula é ótima para combater os sintomas mais comuns de resfriados e inflamações.

Muitos não sabem disso, mas além de produzirem o mel, as abelhas também são as responsáveis pela produção do própolis. Portanto, assim como o mel, o própolis também funciona como solução natural para se restabelecer de gripes e dores de garganta, pois essa substância é antiviral e antibacteriana. Sendo assim, seja em versão spray ou xarope, o própolis é um grande aliado para acabar com os principais sintomas de indisposição.

colher cheia de mel e vasilhaFonte: Pixabay

2. Probióticos

Os probióticos são ótimos aliados, principalmente para as pessoas que possuem o intestino saudável. Nesse caso, a ingestão de probióticos em cápsulas ou através de alimentos que sejam ricos nessas bactérias benéficas ao organismo, como iogurte natural, kefir e chucrute, pode ajudar a aliviar os sintomas de várias enfermidades.

Entre os benefícios dos probióticos, está o fortalecimento do sistema imunológico, pois aumenta a produção das células de defesa do organismo, a prevenção de alergias alimentares, e também a melhora da digestão, o que combate a azia e outros sintomas desagradáveis. Portanto, ao sentir dificuldades digestivas durante as férias, essa é uma das alternativas naturais e caseiras mais efetivas.

3. Descansar bastante

Ter paciência e estar disposto a descansar devidamente são condições essenciais para se recuperar de resfriados e leves inflamações. Apesar de parecer algo indiscutível, muitas pessoas ainda resistem em deixar que o próprio corpo se recupere no seu devido tempo, e permanecem tentando realizar atividades cansativas, que não condizem com as condições de alguém que está doente.

Porém, é preciso entender que durante uma gripe ou inflamação na garganta, o organismo trabalha em dobro para tentar combater o problema. Em contrapartida, para balancear esse esforço extra, o mais indicado é tentar dormir bastante e não realizar tarefas pesadas e exaustivas ao longo do dia. Além disso, outra ótima alternativa é combinar esse descanso com meditação e exercícios de respiração, pois segundo estudos recentes, essas atividades reduzem na pressão sanguínea e ainda estimulam a imunidade do indivíduo.

pessoa segurando frasco de óleos essenciaisFonte: Pixabay

4. Se hidratar corretamente

O mal-estar causado pelos sintomas de gripes, resfriados e outras enfermidades fazem com que muitas pessoas se esqueçam de tomar água, o que só agrava esses problemas. Desse modo, além de consumir a quantidade adequada de água, outras opções possíveis ao constatar um caso de princípio de desidratação são o soro caseiro, preparado com água, sal e açúcar, e bebidas isotônicas, que também são eficientes na reposição de líquidos pelo organismo.

No caso específico de quem está com gripe e as vias nasais congestionadas, outra alternativa que ajuda bastante é tomar um copo de água em temperatura ambiente misturada com o suco de um limão espremido. Como o limão é rico em vitamina C e potássio, essa mistura tem efeito anti-inflamatório, auxiliando na redução do muco produzido pelo organismo e, consequentemente, na desobstrução das vias respiratórias, o que alivia os principais sintomas da gripe.

5. Óleos essenciais

A aromaterapia é uma prática alternativa que oferece bem-estar físico e psicológico através do uso de óleos essenciais. Existem vários tipos de óleos diferentes, cada um deles com suas propriedades e benefícios próprios, porém, alguns exemplares conseguem ser excepcionalmente úteis para quem está sofrendo com resfriados, gripes ou inflamações.

O óleo de eucalipto, por exemplo, conta com propriedades antivirais e antimicrobianas que são bastante eficazes no tratamento contra resfriados. O óleo de hortelã-pimenta, por sua vez, é utilizado para descongestionar as vias nasais, e também funciona para reduzir a febre. Já o óleo essencial de lavanda é indicado para combater dores de cabeça e para ajudar quem está tendo dificuldades para dormir e descansar durante a noite.

pessoa segurando frasco de óleos essenciaisFonte: Pixabay

Registrar-se
As apostas evoluíram Um pouco sobre a Slingshot Studios