Registar agora

Receba €1000 em bônus

1° Depósito: Bônus até 100% • 2° / 3° Depósito: Bônus até €400 • Apenas para novos clientes •  Depósito Mín. €10  •  Requisito de Apostas: 70x 

Termos da Promoção

Registrar-se

Os favoritos para a Copa do Mundo de Basquete na China

LogoFonte: Wikimedia

No dia 31 de agosto, terá início mais uma edição da Copa do Mundo de Basquete, realizada pela FIBA (Federação Internacional de Basquetebol). Considerada a maior já realizada até então pela entidade, a competição será disputada por 32 seleções, divididas em 8 grupos de 4 equipes cada, e terá a sua grande final no dia 15 de setembro.

Além de disputarem o título de melhor seleção de basquete do mundo, as 32 equipes qualificadas para o torneio também possuem outro objetivo importante, que é classificação para as Olimpíadas de Tóquio de 2020, a qual será concedida para os times que passarem da fase de grupos.

Apesar do alto nível demonstrado por todas as equipes que irão participar da competição, conhecer a seguir quem são os grandes favoritos, segundo as principais plataformas de apostas esportivas online.

1. Estados Unidos

Atual bicampeão da Copa do Mundo e tricampeão olímpico, o time dos Estados Unidos sempre chega como o grande favorito para as competições internacionais de basquete. Além da longa tradição no esporte, a seleção norte-americana é formada pelos atletas mais ilustres do esporte, todos astros da NBA (National Basketball Association), que é a principal liga da América do Norte e a mais assistida do mundo.

Entre os nomes que estão confirmados para defender a camisa dos Estados Unidos no torneio, estão o pivô Kyles Turner, o ala Tobias Harris e o armador Kemba Walker. Porém, apesar de ter grandes estrelas em sua equipe, a seleção norte-americana também teve várias baixas, e não irá contar com ídolos de prestígio como Anthony Davis, James Harden, CJ McCollum e Eric Gordon, que priorizaram a pré-temporada da NBA ao invés da participação na Copa do Mundo.

Sendo assim, mesmo com seu status de principal favorito, os Estados Unidos estão mais sujeitos a serem destronados nessa atual edição. Por isso, os expectadores definitivamente podem esperar por uma briga mais acirrada e difícil de prever pelo título da competição.

Estados UnidosFonte: Pixabay

2. Sérvia

A seleção de basquete da Sérvia é bicampeã da Copa do Mundo, pois levou para casa os títulos de 1998 e 2002, além de ter conseguido a medalha de prata no Mundial de 2014 e nas Olimpíadas de 2016, em ambos os casos em finais contra os Estados Unidos. Como o próprio histórico ressalta, a seleção da Sérvia é o país que tem conseguido os melhores resultados, atrás somente do time norte-americano, e por isso pode ser considerada como a segunda maior força para o torneio a ser disputado na China.

Um dos aspectos a favor da Sérvia é o fato da Copa do Mundo ser uma competição muito popular em todo o país, o que significa que os próprios jogadores entram em quadra determinados a levar o troféu para casa. O mesmo não pode ser dito pela equipe dos Estados Unidos, pois devido a popularidade colossal da NBA, o público norte-americano ainda não chega a valorizar esse campeonato mundial da mesma forma como é visto em outros países.

Por essas razões, a equipe da Sérvia liderada pelo astro Nikola Jokic, e que ainda conta com jogadores reconhecidos como Bogdan Bogdanovic e Nemanja Bjelica, que defendem o time do Sacramento Kings na NBA, é considerada por muitos fãs do esporte como a maior ameaça para a atual hegemonia dos Estados Unidos.

3. Espanha

Campeã mundial na edição de 2006, a seleção da Espanha vem acumulando bons resultados nas principais competições de basquete a nível internacional, tendo conquistado ainda a medalha de bronze nas Olimpíadas de 2016, e a prata nas duas edições anteriores. A equipe também se encontra atualmente nas primeiras colocações do ranking da FIBA, o que ressalta a sua regularidade entre as melhores do mundo.

Para a Copa do Mundo de 2019, a Espanha sofreu uma baixa de peso, do jogador Pau Gasol, que é o principal astro da equipe. Contudo, a seleção espanhola também conta com outros nomes de peso, como o próprio irmão de Gasol, Marc, que recentemente ganhou o título da NBA defendendo a camisa da equipe canadense Toronto Raptors.

Os fãs de basquete ainda terão a chance de conferir dentro das quadras outros atletas de renome vestindo a camisa da Espanha, como é o caso de Ricky Rubio, Guillermo Hernangomez e Juan Hernangomez, todos jogadores da NBA e com grande experiência na disputa de grandes torneios.

EspanhaFonte: Wikimedia

Outras equipes que podem surpreender

Além dos três grandes favoritos, confira a seguir um pouco mais sobre duas equipes com chances de surpreender e conquistar bons resultados.

  • Alemanha

Bronze na Copa do Mundo de 2002 e ouro na EuroBasket de 1993, a seleção alemã ainda não faz parte do esquadrão das melhores do mundo, mas vem se esforçando bastante para isso. Atletas como Dirk Nowitzki e Christopher Kaman lideram a atual geração promissora da equipe, que pode chegar longe na competição.

  • Grécia

Nos últimos anos, a seleção da Grécia vem ganhando mais tradição no esporte, e já conseguiu bons resultados, como uma medalha de prata na Copa do Mundo de 2006 e o ouro na EuroBasket de 2005. Liderada por astros como Giannis Antetokounmpo e Nick Calathes, que jogam nos Estados Unidos, a equipe tem o potencial de se sobressair no torneio.

Registrar-se
Book of Oz Lock ‘n Spin: lançamento! Saiba mais sobre a estrutura atual da Alphabet