Registar agora

Receba €1000 em bônus

1° Depósito: Bônus até 100% • 2° / 3° Depósito: Bônus até €400 • Apenas para novos clientes •  Depósito Mín. €10  •  Requisito de Apostas: 70x 

Termos da Promoção

Registrar-se

Favoritos ao título masculino no Wimbledon 2019

Fonte: Wikimedia

Marcado para o início do mês de julho, o torneio de Wimbledon, um dos mais famosos e aguardados do circuito de tênis internacional, anunciou recentemente que iria aumentar o valor de suas premiações para a edição de 2019. Sendo assim, a All England Club recompensará com nada menos que 2.35 milhões de euros o grande vencedor da categoria masculina individual.

Com um prêmio dessa expressão em jogo, já começaram as especulações e apostas online sobre quem vencerá o torneio. Conheça a seguir quais são os cinco atletas mais cotados para ganhar a competição.

1. Roger Federer

O tenista suíço Roger Federer, atualmente na terceira colocação no ranking mundial, é um dos grandes favoritos na próxima edição do torneio de Wimbledon, especialmente após o atleta ter conquistado em março o 100º título profissional de sua carreira, se tornando o segundo tenista da história a alcançar esse status, sendo portanto um dos maiores talentos de sua geração.

Entre os recordes surpreendentes conquistados por Roger Federer, o tenista permaneceu por 310 semanas na primeira colocação do ranking mundial, entre os anos de 2004 e 2018, sendo que destas, 237 semanas ocorreram de forma consecutiva. Federer também é o único da história a ter vencido três do quatro Grand Slam em uma mesma temporada por três vezes, nos anos de 2004, 2006 e 2007. Em relação a Wimbledon, o tenista já venceu o torneio em 8 ocasiões, tendo ainda 6 títulos no Aberto da Austrália e 5 no Aberto dos Estados Unidos.

2. Rafael Nadal

Praticamente imbatível na quadras de saibro, o espanhol Rafael Nadal costuma ser o grande favorito das competições disputadas nessa superfície, como é caso do Roland Garros, ou Aberto da França, o qual ele já ganhou onze vezes, o bastante para torná-lo o tenista que mais venceu um mesmo torneio de Grand Slam. Apesar das partidas de Wimbledon não acontecerem na especialidade do tenista, e sim em quadras de grama, Nadal também chega como um dos favoritos ao torneio, o qual já foi vencido por ele em duas ocasiões, nas temporadas de 2008 e 2010.

Segundo colocado do ranking mundial no momento, Rafael Nadal já esteve por 56 semanas consecutivas no topo do ranking, e já terminou quatro temporadas na liderança, o que exalta a sua força dentro das quadras e a experiência de um esportista que já vem ganhando títulos de grande expressão há mais de dez anos.

3. Novak Djokovic

Na confortável posição de líder do ranking mundial nas semanas que antecedem a edição de 2019 de Wimbledon, o sérvio Novak Djokovic iniciou a temporada com uma excelente conquista, o título do Aberto da Austrália de 2019, o sétimo de sua carreira nessa competição, além de sustentar o status de atual campeão de Wimbledon, o qual ele já venceu também em outras três ocasiões, nos anos de 2011, 2014 e 2015.

Com essa conquista no Aberto da Austrália, Djokovic alcançou seu 15° Grand Slam, apenas alguns títulos atrás de Nadal e Federer, o que acabou com qualquer dúvida acerca do alto nível de rendimento do tenista na atual temporada. Em relação a alguns de seus números, o esportista sérvio já permaneceu por 124 semanas consecutivas no topo do ranking, tendo finalizado cinco temporadas nessa posição, 2011, 2012, 2014, 2015 e 2018.

Fonte: Wikimedia

4. Marin Čilić

Entre os favoritos, o “azarão” é o croata Marin Čilić, que ocupa atualmente a décima terceira posição no ranking mundial masculino. Apesar de não estar entre os primeiros, Čilić possui uma boa experiência no Wimbledon, tendo chegado até a final da edição de 2017, a qual perdeu para o implacável Roger Federer, que vivia uma de suas melhores fases na época.

O principal título da carreira do croata foi o Gram Slam do Aberto dos Estados Unidos de 2014, para o qual ele derrotou Tomás Berdyxh e Roger Federer até chegar a final contra o japonês Kei Nishikori. Com 1,98 de altura, Marin Čilić é conhecido como “o gigante das quadras”, e já se mostrou como uma surpresa em várias ocasiões, o que o torna um dos tenistas que merecem atenção durante o Wimbledon 2019.

5. Alexander Zverev

Aos 22 anos de idade, o alemão Alexander Zverev se tornou profissional em 2013, e desde então provou ser um dos maiores talentos da nova geração que está começando agora, tanto que ocupa atualmente a quinta posição do ranking mundial. Entre os novas promessas do tênis, o nome de Zverev é o maior destaque na atual temporada, o que o torna um candidato viável ao título de Wimbledon na temporada de 2019.

Os feitos obtidos pelo esportista alemão incluem o recorde como tenista mais jovem a vencer dois títulos consecutivos no Masters 1000 em superfícies diferentes, e o de primeiro tenista nascido nos anos 90 a ganhar múltiplos Masters 1000. Em 2018, Zverev venceu o ATP Finals em uma partida final emocionante contra o sérvio Novak Djokovic, com placares de 6 – 4 e 6 – 3, o que serviu para colocá-lo de vez nos holofotes como um talento indiscutível do esporte.

Registrar-se
Estratégias de baccarat e como ganhar com o jogo Estratégias e como ganhar no vídeo pôquer